Guia irationline.com.br - Descubra os melhores locais de Irati.

 

Sabor e Saúde Produtos Naturais

 

Nutricial Pet Center

 

Malik Jóias

 

Mundial Auto Center

 

ESQUADRIAS DE MADEIRA MACHADO

 

Massagens Irati

 

 

Sabor & Sade -Produtos naturais

 

Fiscalização de licitação para compra de merenda gera economia para Irati

 

Economia será de aproximadamente R$ 442 mil para os cofres públicos

Publicado em 30/01/2019

 

O Tribunal de Contas do Paraná (TCE-PR) orientou a Prefeitura de Irati a refazer duas vezes o edital para compra de alimentos destinados à merenda escolar. De acordo com o TCE, a economia do município poderá chegar a R$ 442 mil depois que o edital do certame foi refeito.

Os editais foram analisados preliminarmente pela Coordenadoria de Acompanhamento de Atos de Gestão (CAGE) do TCE-PR. Desta forma, é possível reforçar a fiscalização preventiva feita pelo Tribunal, que tem o objetivo de evitar irregularidades e o mau uso do dinheiro público.
O TCE analisou em junho do ano passado o Pregão Eletrônico nº 103/2018. Nele, foram encontradas três irregularidades: ausência de justificativa na composição de preços, especificação inadequada dos itens e falta de indicação do fiscal do contrato e do responsável pelo recebimento dos produtos.

O Tribunal informou a Prefeitura de Irati sobre as irregularidades durante o Procedimento Preliminar de Acompanhamento (PPA). O Executivo revogou imediatamente a licitação. Cerca de dois meses depois, outro processo licitatório foi aberto para compra de alimentos para a merenda escolar.

O novo edital também foi avaliado pela CAGE, que constatou a falta de especificação do percentual máximo admissível de água no processo de degelo da carne congelada que seria adquirida pelo município. Esta falha traria dificuldades na fiscalização do contrato pelo Poder Executivo e pelo Conselho de Alimentação Escolar do município. Imediatamente a administração municipal revogou parcialmente o certame quanto ao item questionado pelo TCE-PR
A atuação do Tribunal gerou uma economia de R$441.912,92 para os cofres de Irati. O valor máximo de contratação caiu de R$1.874,771,00 para R$1.432,858,08. Houve também melhorias nas etapas da fiscalização do contrato, com previsão de treinamentos contínuos e adoção de processos e manuais próprios.

Este tipo de acompanhamento é concedido pelo TCE aos gestores para apontar correções de falhas encontradas pelo órgão durante a fiscalização sem a abertura de um processo administrativo. Quando estas falhas não são corrigidas, os gestores ficam sujeitos a comunicação de irregularidade, o que pode ser transformado em Tomada de Contas. Nestes casos, o TCE-PR pode aplicar multas administrativas, fixas e proporcionais ao dano causado aos cofres públicos, com posterior devolução de recursos e outras sanções.

 


ÚLTIMAS NOTÍCIAS

 

Curso de Teatro para crianças adolescentes e adultos

 

A Praça CÉU irá disponibilizar Curso de Teatro Livre para a população. As aulas serão ministradas pela Professora Marili Teixeira toda segunda-feira, das 19h às 20h30 na CÉU, localizada no Conjunto Joaquim Zarpelon, Vila São João....

 

Pubicada em: 19/02/2019

Deficientes têm direito a passe livre nas viagens intermunicipais

 

A Secretaria de Assistência Social de Irati, em concordância com a Lei Estadual nº 18.419/2015, informa que pessoas portadoras de deficiências têm direito a passe livre nas viagens intermunicipais feitas em transporte coletivo. Esta...

 

Pubicada em: 08/02/2019

Telefones disponíveis para tratar de Iluminação Pública

 

Caso você tenha problemas de iluminação pública em sua rua, como lâmpada queimada ou com defeito, há dois telefones à sua disposição: 0800 644 1118 e 3907 3161. Antes de entrar em contato, verifique se no poste há uma plaqueta ...

 

Pubicada em: 01/02/2019

 

Copyright © 2015 powered by Portal irationline - Todos os direitos reservados.